NOTÍCIAS / Tudo sobre Samba

  • Sinopse da Mocidade é alterada

    Lucia Mello em 14 de Outubro de 2009

    Mais uma vez, a proximidade que vez por outra ronda o carnaval e a fé entra em jogo. Agora, faltando pouco menos de cinco meses para os desfiles, a Mocidade, que tem o enredo "Do Paraíso de Deus ao Paraíso da Loucura, Cada Um Sabe o que Procura", do carnavalesco Cid Carvalho, decidiu fazer uma pequena alteração num trecho da sinopse. Tudo para não polemizar com os fiéis religiosos, muito menos com suas igrejas.
    É que uma parte da sinopse ("Diante desse 'Capitalismo selvagem', para se alcançar o Paraíso basta colocar a grana na cestinha diante do altar") poderia ser interpretada de forma maldosa, gerando um desgaste que a verde-e-branca não deseja.
    - Decidi mexer para ficar menos direta. Não quero polemizar, nem gosto disso - afirmou Cid Carvalho.
    A quarta alegoria, batizada de "Paraíso do Consumo", também terá sua criação mudada. Neste carro, o carnavalesco promete muito bom humor para fazer a crítica.
    - Não preciso colocar um altar, um crucifixo, santos ou a figura de um pastor para o público entender que ali existe uma crítica a algumas religiões que oferecem esse tipo de coisa, como um pedacinho de terra no céu. Não haverá imagens, nem simbolismo da igreja. Só quero mostrar que algumas seitas, que nem considero como religião, que se usam da boa fé do povo brasileiro para se aproveitar. Isso não é culpa do Cid Carvalho - explicou o artista.
    Ainda sobre a escola de Padre Miguel, a festa de protótipos para a apresentação das fantasias para o carnaval do ano que vem deve acontecer alguns dias após a escolha do samba-enredo, na quadra. De acordo com Cid, os modelos já estão quase todos finalizados e serão exibidos para a comunidade e imprensa.

     

     
     

     

     


     



ANUNCIANTES






SIGA O Ti Ti Ti!

#TITITIDOSAMBA